Porque é que agora é uma boa altura para comprar uma casa em Veneza

Gtres
Gtres
23 setembro 2020, Redação

Numa altura em que o mercado imobiliário permanece favorável no que diz respeito aos preços, investir em imóveis em Veneza poderia ser uma boa ideia para garantir um lugar na cidade mais romântica de Itália.

"Em Veneza, o mercado imobiliário tem uma boa procura, alimentada principalmente por residentes e estrangeiros fascinados pela cidade", diz o agente afiliado de Tecnocasa Marco Carminati. "A quantidade de propriedades em oferta está também a aumentar devido ao fato de muitas instalações de alojamento estarem a ser colocadas no mercado como resultado da pandemia. Aqueles que procuram uma casa na cidade são principalmente pessoas que pretendem comprar um imóvel com vista a reabilitá-lo e que procuram um espaço ao ar livre, varanda ou terraço".

O centro de Veneza, nomeadamente o distrito de Rialto, considerado o centro da cidade devido à presença de serviços e escritórios administrativos, é o que atrai mais compradores. Aqui, os preços de um edifício de época começam em 5.000 euros por metro quadrado e podem chegar a 7.000-8.000 euros por metro quadrado, se o imóvel inclui vistas sobre o Grande Canal. O distrito de Castello (via Garibaldi) é também muito popular e caracteriza-se por uma oferta mais acessível, com preços médios de 2.500-3.000 euros por metro quadrado.

A área mais cara é a Piazza San Marco", explica Carminati, "onde uma propriedade que necessita reabilitação custa em média cerca de 6.000 euros por metro quadrado, com picos de 15.000 euros por metro quadrado para propriedades de luxo com vista para a praça". Aqueles que procuram casas de luxo também querem um cais privado. Existe notavelmente menos procura e valores mais baixos para propriedades localizadas no rés do chão devido aos níveis de água e riscos de inundação".

Outras áreas solicitadas incluem Carpenedo-Bissuola e o centro de Mestre. Estas são áreas adjacentes à Piazza Ferretto, considerada como o centro económico e comercial de referência no continente. Um imóvel usado, em excelente estado, custa cerca de 2000-2500 euros por metro quadrado.

No que diz respeito ao arrendamento, neste momento existe também uma boa procura, parcialmente alimentada por trabalhadores externos. Para um apartamento de dois quartos podes esperar gastar cerca de 600-700 euros por mês, com picos de 1.000 euros por mês para propriedades na área de Rialto.

Preparado para encontrar a casa dos teus sonhos?

Preparado para encontrar a casa dos teus sonhos?

Encontra casas à venda e em arrendamento a largo prazo no idealista