Queres comprar uma casa de férias? Primeiro, há cinco perguntas que deves fazer

it_main.jpg
What to consider before buying a holiday home / Gtres
6 outubro 2021, Redação

Comprar uma casa de férias pode parecer agradável e glamoroso, e Itália parece o lugar ideal para o fazer! Mas tens que colocar a tua imaginação de lado para teres a certeza que planeaste e pensaste bem em tudo. Entre as coisas importantes a considerar estão, por exemplo, as despesas com impostos e manutenção. Depois, é preciso avaliar se queres ou não utilizá-la como investimento. Então, vamos dar uma espreitadela nas cinco perguntas que deves fazer-te antes de comprar uma casa de férias.

pxfuel.com_6_1.jpg
idealista

Por que queres uma casa de férias?

Antes de procurar uma casa de férias para comprar, primeiro considera os motivos pelos quais desejas comprá-la e os objetivos que pretendes alcançar. Queres usá-la para ti ou como um investimento? Se for para uso pessoal, como vais usá-la? De acordo com Steve Schwab, fundador da Casago, uma administradora de imóveis e alojamentos de férias, os motivos mais comuns para a compra de uma casa de férias são: ter uma casa no seu destino de férias preferido; ter um lugar para se "esconder" de multidões e fugir do dia-a-dia; arrendá-la ou usá-la como investimento; ou vendê-la para obter lucro. “Algumas dessas metas podem colidir e ser difíceis de gerir”, diz ele. Os especialistas aconselham deixar de lado as emoções e o senso de propriedade se o teu objetivo é ganhar dinheiro. “É um negócio”, especificam.

Tens tempo para gerir a casa se decidires arrendá-la?

Muitos proprietários subestimam o tempo e o trabalho envolvidos no arrendamento de uma casa de férias. “Alguns que compraram uma segunda casa descobriram que não o fizeram para ir de férias, mas sim que compraram um novo emprego”, diz Schwab, estimando que os proprietários gastam cerca de sete horas por semana a gerir uma casa de férias. Além disso, se geres um imóvel por conta própria, isso significa que tens de estar disponível 24 horas por dia, 7 dias por semana, caso os inquilinos tenham dúvidas ou problemas.

Vais gerir o arrendamento ou contratar uma empresa?

Há quem tenha tempo para administrar e gerir o arrendamento de uma casa, que sabe como evitar dores de cabeça e até gosta disso. Mas, para quem mora longe ou tem pouca disponibilidade, o melhor é contratar um gestor imobiliário. Schwab sugere que “um bom cálculo de lucro passa por registar quantas horas por semana dedicas à gestão da casa e como podes diminuir essas horas considerando os honorários do administrador. Isto pode ajudar os proprietários a determinar se um serviço de gestão imobiliária vale ou não a pena. "Além disso, os proprietários que usam a casa para uso pessoal, mas não vivem lá, podem contratar um gestor para monitorizar a casa na sua ausência.

pexels-jean-van-der-meulen-1457842_1.jpg
Habitissimo

Queres inquilinos de curto ou longo prazo?

Arrendar a casa no Airbnb ou Rentalia pode ser a opção mais lucrativa, mas também tem desvantagens. Tens que incluir os custos de limpeza, decoração e considerar que na época baixa a afluência pode ser reduzida. E nem todas as propriedades são adequadas para arrendamentos de curto duração. A outra opção é o arrendamento de longo prazo. Nesse caso, não é necessária uma gestão diária, mas é preciso avaliares se queres usar a casa ou não. Schwab diz que o arrendamento mais longo "limita a frequência com que podes aproveitar a casa se um inquilino assinar um contrato de seis meses ou de um ano".

Quanto custa manter esta casa?

Como uma residência principal, uma casa de férias virá com um crédito habitação, impostos e seguro. Além disso, provavelmente haverá custos adicionais de manutenção, obras, serviços públicos e outros encargos específicos. Se pretendes usar a casa para ti, podes tentar poupar dinheiro, mas “converter a casa de férias num arrendamento de curta duração envolve custos ainda maiores. É importante entender que os arrendamentos por temporada têm um custo operacional mais alto do que as casas tradicionais”, diz Schwab. "O custo do desgaste normal nos arrendamentos por temporada é desproporcionalmente maior do que nos arrendamentos de longa duração, devido à alta rotatividade de pessoas que vêm e vão constantemente."

Artigo visto em
Você está pronto para comprar uma casa de férias? (Corretor de imóveis)

Pronto para procurar um imóvel em Itália? Precisas de algumas dicas para encontrar um?

Preparado para encontrar a casa dos teus sonhos?

Preparado para encontrar a casa dos teus sonhos?

Encontra casas à venda e em arrendamento a largo prazo no idealista